Distúrbios do Sono
 Pneumo - saiba mais sobre...

 

Dispositivos inalatórios - como usar? Veja os vídeos...

Por que remédios inalados são preferidos para os pulmões?

A melhor forma de administrar medicamentos para o tratamento de doenças pulmonares é por via inalatória. Por quê?

  1. Utiliza uma menor dose de remédio
  2. Atinge mais rapidamente as vias aéreas
  3. Atua diretamente sobre as áreas inflamadas dos brônquios e pulmões
  4. Tem menor absorção pelo resto do organismo.
  5. Tem menos efeitos adversos.

Há muitos MITOS sobre as "bombinhas". Saiba a verdade...

"Bombinhas" não viciam - se está havendo uso frequente da bombinha é sinal de que a doença está mal controlada e necessita retorno ao médico para melhor avaliação e mudanças no tratamento.

"Bombinhas" não matam - o que pode matar é a doença pulmonar sem tratamento adequado.

"Bombinhas" não afetam o coração - as bombinhas são apenas a forma como os medicamentos estão disponíveis. Dentro de uma bombinha podemos encontrar os corticóides, broncodilatadores ou a combinação deles. Os broncodilatadores podem acelerar os batimentos cardíacos, devendo ser utilizado com menor dose e maior cautela em idosos e doentes com problemas cardíacos. O médico saberá pesar os riscos e os benefícios do tratamento, escolhendo a dose ideal para cada caso. Os corticóides inalatórios não aceleram os batimentos cardíacos e não causam nenhum efeito sobre o coração.

Quais as principais formas de se administrar medicamentos inalatórios?

1. Nebulização.- sua utilização não exije coordenação motora por parte do paciente, sendo preferida para uso em crianças muito pequenas e idosos. Também fluidifica as secreções, o que pode ser útil quando há tosse produtiva com expectoração abundante..

2. Nebulímetros com ou sem espaçador ("bombinhas") - são práticos, portáteis, porém, depende da coordenação motora do paciente para sua utilização adequada.

3. Inaladores de pó seco - também são práticos e portáteis, semelhantes às “bombinhas” porém, não necessitam de tanta coordenação motora para sua utilização. Existem vários dispositivos inalatórios de pó seco, os mais conhecidos são: o diskus, o turbuhaler, o pulvinal e o aerolizer.

Cada um desses apresenta vantagens e desvantagens, cabendo ao paciente, juntamente com seu médico, escolher o melhor dispositivo inalatório para o seu caso.



R. Peixoto Gomide, 515, Conj 74 - Jardim Paulista, São Paulo-SP. CEP: 01409-001.
Tel: (11) 2507-5896 / 3774-5896 | Copyright © 2010 www.pneumo.com.br
Design by Dr Marcelo Andrade | Supported by www.uolhost.com .br
Estrutura Pacote Web 1.0 - Customizado